Os maiores erros nos programas de bonificação.

Os maiores erros nos programas de bonificação.

Todos nós já sabemos que a cada dia que passa a remuneração variável é um dos assuntos mais falados dentro das empresas e entre os profissionais, principalmente para aquelas que desejam impulsionar, cada vez mais, o aumento dos resultados do time por meio da meritocracia.

Porém, o grande problema é que muitas vezes estas empresas não estruturam bem seus programas de bonificação e acabam cometendo grandes erros que podem prejudicar a performance da empresa ao invés de ajudar. 

Pensando em te ajudar a evitar esses problemas dentro da sua empresa, listamos neste artigo quais são os maiores erros nos programas de bonificação, desta forma você conseguirá evitar cada um deles e melhorar cada vez mais o programa de bonificação da sua empresa.

Antes de entendermos de fato quais são os maiores erros nos programas de bonificação, precisamos esclarecer como funciona e como é realizado um programa de bonificação dentro da grande maioria das empresas.

Como é realizado um programa de bonificação dentro da maioria das empresas?

Devemos lembrar que a “bonificação” é apenas um dos milhares tipos de incentivos que uma empresa pode oferecer, e que cada tipo de bonificação pode se enquadrar de acordo com a necessidade e da empresa.

Atualmente, vemos que muitas empresas pagam o valor da bonificação de acordo com uma porcentagem, e essa porcentagem pode ser uma quantia equivalente ao salário, faturamento de vendas ou até mesmo algum outro tipo de indicador que a empresa deseja medir. Por isso, muitos conhecem os programas de bonificação como “bônus por resultados”, pois na grande maioria das vezes o bônus está atrelado a algum tipo de resultado exigido pela empresa.

Quais são os maiores erros nos programas de bonificação?

Não ser transparente com a equipe

Pode até parecer clichê para você, mas para muitos é importante reforçar este tópico. Ainda existem empresas que não são claras e transparentes com a equipe na hora de passar quais são os objetivos, metas e as principais necessidades da empresa ou até em transmitir como funcionará a regra de premiação de toda a equipe.

Por isso, se a sua empresa deseja atingir os objetivos com facilidade e principalmente com qualidade nos resultados, seja transparente com a sua equipe, são eles que estão na maioria das vezes na linha de frente no dia a dia da sua empresa, então são eles que vão de fato entender se seus objetivos são condizentes ou não com a sua realidade. 

Se você é transparente e claro com o seu time, tenha certeza de que eles se sentirão seguros em te dizer se seus objetivos traçados fazem sentido para a empresa e se sentirão motivados para alcançar as metas. 

Oferecer o programa de bonificação somente para a liderança

Muitas empresas pensam que oferecer bonificação apenas para a liderança é o suficiente para alavancar os resultados e atingir os objetivos, mas isso é um enorme erro. É claro que o líder precisa fazer parte do programa de bonificação, afinal ele também faz parte da equipe, e principalmente ele é quem vai motivar o time, sabemos que um líder feliz motivado é capaz de influenciar a equipe.  Porém, o erro de muitas empresas está em pensar que é suficiente bonificar somente o líder, lembre-se,  que quem está com a mão na massa todos os dias é a sua equipe de vendas ou operação, então eles também precisam receber bonificação de acordo com os seus resultados. 

Não adotar gatilhos e tetos de gastos.

Já sabemos que um bom modelo de remuneração variável deve ter bons gatilhos, baseados nos objetivos da empresa, e isso não é diferente para os programas de bonificação. Eles devem também ter bons gatilhos e também devem ser baseados e de acordo com os objetivos da empresa. 

Em resumo, os gatilhos são os “sim ou não” dos programas de bonificação. São a partir deles que você entenderá se de fato aquela equipe ou profissional merece receber o bônus.

Exemplo:

  • João atingiu o número x de vendas? (Sim) 
  • João atingiu o valor total de faturamento? (Não)
  • João renovou X contratos durante o período da campanha? (Não)

De acordo com as respostas e com a performance do João, é que você saberá se ele deve ou não receber a sua bonificação e o quanto ele deve receber.

Os gatilhos também te ajudam a determinar qual será o limite de gastos que você poderá chegar com o pagamento de bonificações, e também qual será o máximo que cada colaborador poderá atingir e ganhar. 

Os modelos de remuneração por resultado, seja ele uma bonificação, comissão, remuneração variável e entre outros é baseado em uma cultura de meritocracia. Por isso, é importante que essa cultura esteja muito clara e bem alinhada dentro da sua empresa. 

Diante disso, é importante que você sempre alinhe:

  • A cultura da sua empresa com seu modelo de gestão;
  • As metas individuais a metas coletivas;
  • E o modelo de remuneração ao futuro financeiro e estratégico da sua empresa.

Para que você fique ainda mais por dentro do universo da remuneração variável e suas estratégias, recomendamos que você confira este artigo: A importância da remuneração variável para a produtividade no trabalho.

Share on linkedin
Share on google
Share on facebook
Share on twitter

Outros artigos que podem te interessar

Qual é a importância da inteligência de vendas para as empresas?

Qual é a importância da inteligência de vendas para as empresas?

Todas as empresas tem como objetivo principal aumentar a sua lucratividade e para que isso aconteça é necessário melhorar a performance em vendas. Mas, para conseguir melhorar os resultados em vendas é importante garantir que a estratégia de vendas seja sólida e sobreviva ou se adapte a qualquer desafio. Por isso, a inteligência de vendas

O que é pitch de vendas e qual é sua importância para o setor comercial?

O que é pitch de vendas e qual é sua importância para o setor comercial?

Pitch de vendas é um discurso simples e objetivo, que é usado para fazer com que o prospect se interesse  pelo produto ou serviço oferecido. Para que o seu pitch de vendas seja eficiente é preciso fazer uma mescla de gatilhos, perguntas e informações adequadas ao momento da venda. É importante também adequar o seu

Por que é importante fazer o acompanhamento de metas

Por que é importante fazer o acompanhamento de metas?

Acompanhar as metas é tão importante quanto estabelecê-las. Sem dúvida, a expectativa de toda empresa é garantir que os objetivos estabelecidos no planejamento estratégico sejam alcançados com sucesso e de forma eficiente.  A melhor maneira de garantir resultados de sucesso é através de um bom acompanhamento das metas e seus resultados. Afinal, são as metas

Gostou? Inscreva-se para receber mais conteúdos como esses gratuitamente

    pt_BR