Os tipos de remuneração fixa, variável e indireta.

Os tipos de remuneração fixa, variável e indireta.

Os tipos de remuneração fixa, variável e indireta.

Entre as diversas formas e modelos de remunerar um profissional pelo trabalho prestado ou horas de serviços realizados, estão os tipos de remuneração fixa, variável e indireta.

Para muitos pode não ter diferença e geralmente optam pela mais comum que é a fixa, porém você pode pode fazer combinações destas categorias de remuneração ou até mesmo aplicá-las separadamente dependendo do tipo de contratação que sua empresa fizer. 

Qual a diferença entre os tipo de remuneração fixa, variável e indireta?

Remuneração Fixa

Todo e qualquer tipo de remuneração que tenha um valor fixo pré-estabelecido é considerado uma remuneração fixa. Porém, devemos saber que dentro da remuneração fixa existem formas de remunerar o trabalhador, por exemplo: 

  • Remuneração por horas trabalhadas: O tipo de remuneração mais comum é principalmente da categoria CLT, pois ela possui um piso salarial de acordo com o cargo, empresa, funções atribuídas e entre outros. Este tipo de remuneração dentro do CLT está relacionado às quantidades de horas semanais trabalhadas que já são pré estabelecidas na contratação, geralmente são 40 ou 44 horas semanais onde por dia o funcionário deve cumprir uma jornada de 8 horas com 1 hora de almoço. Essa quantidade de horas somadas ao fim do mês resultará em uma remuneração fixa por horas.
  • Remuneração por dias trabalhados: Lugares que costumam contratar por dias trabalhados, possuem uma jornada e tipo de contrato mais flexível e seus contratos de trabalho costumam ser de pessoas autônomas, as empresas contratam o profissional para prestar serviços em determinados dias da semana e ao longo do mês. A somatória desses dias resulta na remuneração fixa por dias. 

Atualmente as formas de se estabelecer o valor do salário fixo está se transformando em  diversos segmentos, aparecendo até salários fixos que são acordados de acordo com as demandas de trabalho. 

Empresas que possuem um modelo híbrido e flexível de trabalho estão se tornando cada vez mais desejadas pelos profissionais.

Remuneração Variável

A remuneração variável está presente em muitas empresas, principalmente naquelas que possuem metas específicas para o cumprimento dos funcionários e consequentemente de seus objetivos.  Por isso, ao longo dos anos foram surgindo diversos tipos de remuneração variável.  

Vamos elencar alguns dos principais tipos de remuneração variável que estão presentes nas empresas, são eles:

  • PLR (Participação nos lucros ou resultados)
  • Bônus
  • Comissão
  • Premiação
  • Gratificação

Entre outros tipos de remuneração variável que tem surgido no mercado. 

Para você saber mais detalhes sobre cada tipo dessas remunerações leia este post no blog (O que é, como funciona e quais são os tipos de remuneração variável?). Neste artigo, explicamos um pouco mais sobre a importância e o impacto da remuneração variável dentro das empresas, como elas funcionam e damos mais detalhes sobre os tipos de remuneração que listamos anteriormente. 

Remuneração Indireta

A remuneração indireta, está relacionada aos benefícios concedidos aos colaboradores, visando maior comodidade e motivação aos funcionários,ou seja, cuidando do funcionário em diversos portos, como por exemplo, saúde e educação. 

Os tipos mais comuns de remuneração indireta são: 

  • Vale alimentação
  • Vale refeição
  • Plano de saúde
  • Plano odontológico
  • Seguro de vida em grupo
  • Associação com algum clube recreativo
  • Plano de previdência privada
  • Bolsa de estudos
  • “Vale Cultura”, que dá descontos para atividades culturais.

A remuneração indireta é muito usada nas empresas como um diferencial na hora de contratar bons funcionários, já que para a remuneração fixa existe um piso salarial.

Bom, agora que você já conhece sobre a diferença entre os tipos de remuneração fixa, variável e indireta você já pode rever como funciona a remuneração na sua empresa. Já que a grande maioria das empresas estão reformulando a sua forma de contratar, trabalhar e remunerar. 

Share on linkedin
Share on google
Share on facebook
Share on twitter

Outros artigos que podem te interessar

Matriz Ansoff: o que é? Como aplicar na minha empresa.

Matriz Ansoff o que é? Como aplicar na minha empresa.

A matriz Ansoff é uma ferramenta muito usada por gestores, pois ela ajuda na etapa de planejamento estratégico em busca do crescimento da empresa. Com a matriz Ansoff é possível identificar oportunidades e criar passos mais assertivos ao direcionar quais serão as ações da empresa. Matriz Ansoff: o que é? Como aplicar na minha empresa.

Como maximizar os resultados da sua empresa através da integração dos setores.

Maximizar os resultados da empresa através da integração dos setores.

A grande necessidade das empresas hoje e sempre é maximizar os resultados, mas o grande ponto é, não maximizar os resultados da sua empresa, e sim como fazer isso.  Para que você saiba como maximizar os resultados da sua empresa é importante construir um ambiente de trabalho harmonioso entre os funcionários, principalmente pelo motivo de

Dicas de como fazer um bom planejamento estratégico.

Dicas de como fazer um bom planejamento estratégico.

Um assunto muito falado no mundo corporativo é a relação entre a gestão e a execução. Porém, antes de falarmos sobre estas etapas precisamos voltar nossa atenção para uma etapa muito importante que antecede tanto a gestão quanto à execução, que é o planejamento estratégico.  É no planejamento estratégico que se define quais são os

Gostou? Inscreva-se para receber mais conteúdos como esses gratuitamente

    pt_BRPortuguese