4 passos para construir a remuneração variável de sua equipe

4 passos para construir a remuneração variável de sua equipe

4 passos para construir com sucesso a remuneração variável de sua equipe

4 passos para construir com sucesso a remuneração variável de sua equipe. Todo gestor de equipes de vendas conhece as dificuldades de se montar um time comercial e a maioria passa pelo desafio de manter sua equipe motivada e alinhada com as estratégias da empresa.

Muitas empresas trabalham utilizando a remuneração variável para recompensar e reconhecer os resultados das equipes mantendo-os motivados e alinhados. Mas não basta apenas implantar o sistema de remuneração variável em sua empresa; é preciso saber como construir um sistema eficiente. Para isso selecionamos 4 passos importantes que irá te ajudar na hora de implementar a remuneração variável na sua empresa. Confira a seguir:

1. Estabelecer os indicadores (KPI’S)

KPI é a sigla para o termo em inglês Key Performance Indicator, que significa Indicador – Chave de Desempenho. Quando você tem os seus indicadores (KPI’s) estabelecidos e alinhados com a estratégia da companhia eles se tornam ferramentas essenciais para a auxiliar na avaliação de performance de sua equipe, identificação de erros e ajuda muito nas tomadas de decisões.

2. Definir os objetivos e metas

As equipes comerciais precisam sempre de um foco, e uma boa definição de metas e objetivos ajuda esses profissionais a concentrar seus esforços em pontos específicos e entregar resultados com mais facilidade. A indefinição dessas metas é um dos fatores que mais leva o time de vendas a baixar a sua produtividade.

Por isso, planejar essas metas com sua equipe de vendas e inserir cada uma delas em suas rotinas diária é o melhor caminho para a entrega de bons resultados. Tenha todas as suas metas bem delimitadas para facilitar a concentração da sua equipe naquilo que trará resultados.

3. Acompanhar a estratégia

Não adianta você planejar suas metas, estabelecer indicadores e não conseguir mensurar os resultados das suas ações. Por isso, como líder, é fundamental estar acompanhando todas as etapas de sua estratégia, desde o planejamento de metas, a execução durante todo o período e dar feedbacks para sua equipe.

Mas, para que você possa dar um feedback efetivo e que faça sentido, você precisa estar atento ao desempenho de todos os indicadores, por isso mantenha este hábito de acompanhar a execução da estratégia em sua rotina diária e tenha sempre todas as informações importantes para suas tomadas de decisão na ponta da língua.

4. Recompensar de maneira correta

Todos os pontos que passamos até chegar aqui são importantes, mas a recompensa por resultado é um dos pontos predominantes de sua estratégia, pois quando você recompensa sua equipe de maneira justa, isso incentiva a sua equipe a buscar sempre entregar o melhor resultado. Por isso sempre mostre a remuneração variável de cada um da equipe no decorrer do processo, permita que ele possa acompanhar essas informações ao decorrer de todos os meses sempre de forma transparente e justa.

Pensando em todos esses pontos a AchieveMore desenvolveu uma ferramenta de gestão no qual você pode acompanhar não somente os KPI’s de sua equipe, mas cada membro da sua equipe também pode acompanhar seu modelo de remuneração, suas metas e seu desempenho de uma forma clara e objetiva. Além disso, você pode através da ferramenta dar seu feedback e acompanhar os resultados individualmente e o melhor você e sua equipe sempre terão acesso a remuneração variável, podendo até simular quais são os resultados que eles precisam atingir para chegar em determinado objetivo. 4 passos para construir a remuneração variável de sua equipe

Share on linkedin
Share on google
Share on facebook
Share on twitter

Outros artigos que podem te interessar

6 passos para melhorar sua estratégia de RH e reter talentos

6 passos para melhorar sua estratégia de RH e reter talentos

Quando o assunto é reter talentos, os profissionais de RH enfrentam vários desafios, pois atrair e reter bons profissionais é um ponto que atinge vários outros fatores dentro do setor de RH. Devemos considerar que um dos principais bens de uma organização são seus bons profissionais, pois acabam se tornando imprescindíveis para o bom funcionamento

Indicadores de produtividade: quais métricas devo acompanhar?

Indicadores de produtividade: quais métricas devo acompanhar?

Qual é a primeira coisa que pensamos quando o assunto é indicadores de produtividade? Muito provavelmente a primeira coisa que você deve ter pensado é como acompanhar e medir a produtividade do meu time? Sem dúvida, o sonho de todo gestor é conseguir acompanhar todo o processo e encontrar pontos de melhorias para alavancar a

SaaS para RH: o que é e como funciona

SaaS para RH: o que é e como funciona

Existem diversas empresa que oferecem um Software as a Service, ou como é mais conhecido SaaS, sem dúvida os Softwares SaaS se tornaram parte de uma grande revolução tecnológica, pois são aquelas soluções que muitas vezes nem sabemos que precisamos, mas quando conhecemos elas se tornam essenciais para a nossa rotina de trabalho.  Você já

Gostou? Inscreva-se para receber mais conteúdos como esses gratuitamente

    pt_BR