PDCA – Tudo o que você precisa saber

PDCA – Tudo o que você precisa saber

PDCA – Tudo o que você precisa saber. Otimizar os fluxos de gestão de uma empresa é uma tarefa que exige organização e disciplina, por isso é importante ter as ferramentas de gestão como aliadas. Por este motivo, hoje vamos falar de uma ferramenta muito útil para a otimização dos processos, que é o ciclo PDCA – Tudo o que você precisa saber.

Mas afinal, o que é o ciclo PDCA?

O ciclo PDCA é assim chamado, devido ao nome em inglês de cada uma das etapas que compõem o ciclo, sendo elas:

P: do verbo “Plan”, ou planejar.

D: do verbo “Do”, fazer ou executar.

C: do verbo “Check”, checar, analisar ou verificar.

A: do verbo “Action”, agir de forma a corrigir eventuais erros ou falhas.

Para cada uma das etapas existe uma ação a ser realizada, e como o próprio nome já diz, o ciclo deve se repetir constantemente, vamos conferir a seguir como funciona cada etapa:

– A primeira etapa: Plan, ou traduzindo para o português planejar, é a etapa em que é preciso estabelecer metas e identificar quais são os elementos que causam problemas ou que impedem o atingimento das metas estabelecidas. Após estabelecermos as metas e identificarmos os problemas, é preciso definir um plano de ação eficiente para seguir as próximas etapas.

– A segunda etapa: Do, ou traduzindo para o português fazer ou executar, é a etapa em que é preciso realizar todas as atividades que foram determinadas na etapa do planejamento.

– A terceira etapa: Check, que em português significa checagem ou verificação, é a etapa após a execução, onde é necessário verificar e avaliar constantemente cada resultado obtido das atividades executadas.

– E a última etapa: Act, ou trazendo para o português ação, é a etapa onde é necessário começar a agir e tomar as devidas providências de acordo com as avaliações e relatórios adquiridos na etapa anterior. Após a avaliação e as providências tomadas, volte ao início e repita o ciclo, pegue os pontos de atenção e volte ao planejamento.

Desta forma, você estará sempre em busca da melhoria, correção máxima de erros e aprimoramento dos processos da empresa.

Para que serve o ciclo PDCA?

O ciclo PDCA serve para administrar todos os processos de forma sistemática e é baseado em fundamentos reais que são coletados por indicadores de gestão. Esses indicadores são responsáveis por fornecer detalhes do processo como um todo.

Esta metodologia é muito utilizada por empresas que buscam melhorar seu nível de gestão através do controle eficiente dos processos, revisando constantemente todas as ações e diminuindo as chances de cometer erros.

O ciclo PDCA é uma ferramenta revolucionária e pode ser considerada uma das principais ferramentas dos últimos tempos para ajudar na estratégia de gestão da sua empresa, pois a sua aplicação pode ser feita em qualquer tipo de situação ou organização, desde empresas pequenas até hospitais. O ciclo PDCA é uma ferramenta universal e pode ser aplicada em qualquer instituição que tenha algum processo a ser executado.

Quais são os benefícios do ciclo PDCA?

A ferramenta PDCA pode proporcionar um ambiente de gestão bem estruturado e racional, ajudando também a evitar opiniões pessoais.

É muito comum que empresas sejam geridas com base em intuições de quem está na linha de frente de sua gestão. O PDCA ajuda a eliminar as intuições e a colocar na frente os fatos reais, que são coletados e medidos continuamente.

Um fato curioso é que muitas empresas com menos recursos e tradição já utilizaram o ciclo PDCA para se alavancar em diversos mercados, se tornando referência de crescimento, qualidade e lucratividade.

Coloque em prática esse conhecimento, mantenha constância neste processo, e repita quantas vezes for necessário.

Share on linkedin
Share on google
Share on facebook
Share on twitter

Outros artigos que podem te interessar

Automatização do Cálculo de PLR: Superando Desafios e Maximizando Benefícios.

Neste artigo, iremos descobrir juntos como a automatização do cálculo da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) pode te ajudar a superar desafios, maximizar benefícios e simplicar operações. O cálculo da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) é uma tarefa complexa que envolve diversos parâmetros, variáveis e considerações. Realizá-lo manualmente impõe uma série de desafios

Programas de Incentivos Variáveis: Cinco Dicas para criar um programa de incentivos variáveis bem-sucedido.

Implementar um programa de incentivos variáveis é uma estratégia poderosa para motivar equipes e impulsionar o desempenho em 2024. Contudo, o sucesso dessa iniciativa requer uma abordagem cuidadosa e estruturada. Neste artigo, exploraremos cinco dicas essenciais para criar e manter um programa bem-sucedido que não apenas motive, mas também contribua para o sucesso geral da

Impulsionando Equipes: Estratégias de Incentivo que Transformam Resultados

Se você busca não apenas atingir metas, mas superá-las com uma equipe motivada e engajada, é hora de ir além dos métodos convencionais. Descubra como as estratégias de incentivo, sejam elas financeiras ou não, podem ser poderosos catalisadores para elevar não apenas a produtividade, mas também o moral e a coesão da equipe. 1. Incentivos

Gostou? Inscreva-se para receber mais conteúdos como esses gratuitamente

    pt_BR